28 JUNHO 2022
EXAME MÉDICO PERIÓDICO
Atendimentos da FOP estão sendo realizados na própria Unidade

No mês de junho deste ano os exames médicos periódicos dos servidores que atuam na Faculdade de Odontologia de Piracicaba começaram a ser realizados na própria Unidade.

Daniela Martins, coordenadora da Divisão de Saúde Ocupacional - DSO / DGRH, explica que esse modelo já aconteceu anteriormente e a retomada era uma demanda das Unidades, uma vez que o deslocamento dos servidores até o campus de Campinas impacta a rotina diária, segurança e saúde física dos servidores. Sendo assim, a DSO se reorganizou para garantir o atendimento localmente.

"Essa ação é uma melhoria proposta em benefício do servidor, mas também tem grande importância para a DGRH por ser uma forma da DSO se fazer presente nas Unidades situadas fora do campus de Barão Geraldo. Assim, caso haja alguma questão, além do periódico, que possa ser levantada ou avaliada ali, a presença do nosso profissional lá facilita e agiliza a solução pontual", afirma Daniela.

Marco Antônio Dias, coordenador do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional - PCMSO da DSO / DGRH, acredita que esse formato seja o ideal para as Unidades externas. "Entendo que é o melhor modelo possível para eles e nós ficamos satisfeitos por poder dar essa atenção que eles merecem", declara. 

Para a realização desses atendimentos é preciso muito planejamento. "A gente começa a organização cerca de dois meses antes, com o levantamento de todos os servidores daquele local e os exames que precisam realizar", declara a enfermeira Thais Teixeira. "Em seguida, é feita solicitação das guias para exames e insumos médicos ao HC, e a agenda é montada e compartilhada com o RH da Unidade, para que informe a cada servidor o dia e horário de seu atendimento", complementa.

O médico responsável pelos atendimentos, Dr. Vicente Barros, diz que os servidores estão gratos por essa atenção. "Está sendo muito produtivo e prazeroso, dado que recebo feedbacks constantes dos funcionários e docentes sobre essa prestação do serviço na própria FOP, evitando o deslocamento até Campinas", compartilha Vicente. E completa: "Viajar todos os dias da minha casa em Valinhos até a FOP não é problema para mim, pois gosto muito de estar na estrada, dado ser motociclista e fazer grandes viagens nas minhas férias junto com minha esposa".

A resposta dos servidores está mesmo sendo positiva. Fernanda Fernandes, supervisora do RH FOP, conta que o formato está sendo muito bem aceito por todos. "Estamos muito satisfeitos com esse apoio da DGRH, com essa parceria", afirma.

A DGRH também está muito satisfeita por poder oferecer uma alternativa que de fato consiga atender a uma demanda tão antiga das Unidades localizadas fora de Campinas.

Na FOP estão previstos 162 atendimentos, sendo 10 por dia, em média. O próximo passo será levar os atendimentos para as Unidades localizadas na cidade de Limeira.

Vale ressaltar que, devido a esse atendimento especial, os servidores dessas Unidades não seguem a regra do mês de aniversário para a realização do exame médico periódico, que passa ser realizado anualmente em períodos específicos divulgados pela DSO ao RH local.

  

Para saber mais: